Gripe canina um problema muito comum

A gripe canina se trata de um problema que merece a atenção dos donos de cães

Assim como os humanos os cães também podem gripar , todos os cuidados devem ser tomados para não comprometer a saúde do animal de estimação.

Com a chegada do inverno e outono , surgem o clima seco e baixa temperatura. Devido a mudança do tempo, os problemas respiratórios podem ser comuns.

A traqueobronquite  infecciosa canina , também conhecida como gripe canina, uma patologia que atinge o sistema respiratório e pode evoluir para patologias mais graves.

Um grande problema causado pela gripe canina , se trata de abaixar a imunidade do animal de estimação. A baixa imunidade pode trazer outros tipos de patologias como a pneumonia em cães .

A transmissão da gripe canina ocorre no ar através de fluidos respiratórias, idêntica a forma que gripe humana é transmitida. Um cachorro infectado faz a transmissão  do  vírus para outro animal até mesmo por brinquedos e outros objetos contaminados.

Conheça os sintomas da gripe canina

Conhecer os sintomas da gripe canina, se torna fundamental na hora de identificar alguma alteração no estado de saúde do animal.

Lembrando que após identificar algum sintoma é muito importante encaminhar o animal para um médico veterinário de sua confiança.Muitos cães podem apresentar complicações caso não sejam encaminhados no início da doença.

São alguns sintomas comuns da gripe em cães

  • Falta de apetite ;
  • Tosse e espirros ;
  • Coriza e secreção nasal ;
  • Animal apático;
  • Febre.

Prevenção da gripe em cães

Manter o ambiente limpo e evitar o contato do animal com outros animais infectados pode ser uma estratégia bastante efetiva.

A vacinação é o caminho mais efetivo para que o animal não venha contrair a doença. As vacinas são administradas em clínicas veterinárias em todos o país.

Promover um estilo de vida saudável para o animal juntamente com boa alimentação, certamente ajuda o seu bichinho ter o sistema imunológico fortalecido.

Tratamento da gripe canina

Existem medicamentos prescritos próprios para o tratamento da doença, além disso é importante o tratamento para o fortalecimento do sistema imunológico do cão de estimação.

Vale ressaltar que a automedicação não é indicada em casos de gripe canina. A automedicação pode trazer sérios riscos a saúde do animal!

 

O importante é esta sempre atento e procurar um médico veterinário da sua confiança.

Esteja sempre atento aos sintomas do seu animal de estimação e comunique diretamente a um médico veterinário de sua confiança.

Alguns serviços dependem de agendamento, consulte-nos

Deixe uma resposta